Diferença Entre os Cursos de Pós-Graduação

A concorrência no mercado de trabalho está cada vez maior e quem quer garantir um emprego deve procurar ir além da faculdade. Uma das alternativas são os cursos de pós-graduação.Curso Pós-Graduação

Além de se manter atualizado, realizar um pós significa se especializar em uma determinada área e, em alguns casos, se tornar uma referência no assunto. Por isso, decida com calma.
Fique atento às diferenças entre as diversas categorias dos cursos de pós-graduação. Os denominados stricto sensu são indicados para a formação de pesquisadores e professores universitários. Eles são avaliados pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) e compreendem os mestrados e doutorados.

As pós-graduações lato sensu são voltadas ao mercado profissional, com um objetivo técnico-profissional específico, como o MBA e as especializações.

Em comum, todos os cursos de pós-graduação exigem do candidato o diploma de graduação reconhecido pelo Ministério da Educação (MEC). A seguir você encontra uma breve descrição das várias modalidades de pós-graduação. Escolha a que melhor combina com seu perfil e se ajusta aos seus planos de carreira.

Cursos Lato Sensu

•MBA
O que é? Curso de especialização na área gerencial e administrativa. O MBA Executivo tem perfil generalista, mas existem cursos mais específicos como finanças, recursos humanos, marketing e tecnologia da informação. Tem duração de um a dois anos, com no mínimo de 360 horas-aula.

Cursos Strictu Sensu

Mestrado Profissional
O que é?  Voltado para quem deseja dominar metodologias de pesquisa e aprofundar conhecimentos específicos de sua área de atuação, mas com foco no mercado de trabalho. O diploma também dá direito a seguir carreira acadêmica. Tem duração de dois anos em média.

Mestrado
O que é?  De perfil eminente-mente acadêmico, é a formação para quem quer seguir carreira em ensino e pesquisa. Tem duração média de dois anos e meio.

Doutorado
O que é?  Para os que querem seguir a carreira universitária, como pesquisador e professor, com duração de quatro a cinco anos, em média.